Vale do Madriu-Perafita-Claror

VALE DO MADRIU-PERAFITA-CLAROR

Vale do madriu-perafita-claror

Situado no sudeste do Principado de Andorra, ocupa 10% do território do país, com uma extensão de 4247 hectares.

O Vale do Madriu-Perafita-Claror estende-se pelas divisões administrativas de Andorra-a-Velha, Escaldes-Engordany, Encamp e Sant Julià de Lòria. Um dos acessos mais populares a este vale encontra-se na estrada de Engolasters posição GPS: (42.517536, 1.571087). Este vale é a bacia fluvial secundária mais importante do país e tem 12 km de um lado ao outro, com um declive de 1.855 m. O seu ponto culminante é o Pico da Portelleta (2.905 m). A sua rede de percursos pedestres e de abrigos de alta montanha permite realizar um variado número de passeios e contemplar a fauna e a flora autóctones.

Descubra a pedra seca

Seja qual for o itinerário escolhido no Vale do Madriu-Perafita Claror, encontrará cabanas de pastores recentemente recuperadas de forma tradicional, antigas hortas delimitadas por muros, “bordas” (cabanas típicas), zonas de pastagem para os rebanhos, etc. No verão, não deixe de passar uma noite em qualquer um dos cinco abrigos existentes em todo o vale. O caminho empedrado do vale do Madriu-Perafita-Claror, que corresponde a um troço da GR7 e da GR11, constitui um dos pontos mais altos e caraterísticos desta paisagem cultural.

A rota de Coronallacs

Este vale dá-lhe também a possibilidade de fazer um dos seus percursos mais atraentes, a Rota de Coronallacs: uma rota de pedestrianismo com 90 km de comprimento, que liga os 4 refúgios vigiados de Andorra. Este percurso demora aprox. 5 dias e começa na freguesia de Escaldes.

E se ainda tiver vontade para mais...

No Vale de Madriu-Perafita-Claror também poderá praticar as suas atividades desportivas preferidas: Percursos a cavalo, escalada, caça, pesca, e na temporada de inverno raquetes, esqui de montanha, etc.

Mais informação

Para chegar ao vale tem de apanhar a CG2, e quando chegar à primeira rotunda, virar para a Estrada de Engolasters, a CS200.

Durante todo o ano organizam-se excursões guiadas temáticas (rotas ecoturísticas). 

Para a sua segurança, recomenda-se fazer todos os percursos acima de 1700 m a partir do fim de junho e até ao fim de setembro.

Localização e contacto