Descida Freeride: Majol de Cabana Sorda i pic contigu

Descida Freeride: Majol de Cabana Sorda i pic contigu

Nível

fàcil

Distância

9,1 km

Desnível

+1,24 km / -1,19 km

Ponto de partida: Este é um percurso que se planeou para duas jornadas, embora seja possível realizá-lo em um único dia. Aproveita-se a boa localização e o bom estado do Refúgio de Cabana Sorda. Pernoita-se neste refúgio para começar a segunda jornada bem cedo. O trajeto começa no início da estrada do Vale de Incles, onde se deixam os veículos (segundo a quantidade de neve e o momento da temporada, o espaço permite albergar mais ou menos viaturas). Caminha-se pela estrada e, depois de passar por um conjunto de bordes (casas rústicas típicas andorranas) e uma capela, vê-se à esquerda um desfiladeiro que costuma ter muita neve mesmo na primavera. Sobe-se por ele para ganhar altura e chegar próximo das Basses de les Salamandres (cisternas). Sobe-se, em direção ao norte, pelo dorso do cimo que conduz, pela sua vertente norte, diretamente ao lago. Pode-se ou não realizar cimo, conforme as condições da neve e a vontade do praticante. Tanto se se realiza o cimo e desce pela colada do Pico de La Coma de Varilles, como se se faz por Pales de Cabana Sorda (desfiladeiro com paredes muito lisas), a descida sempre conduz até ao lago e refúgio de Cabana Sorda.

2ª jornada: Partindo do refúgio, sobe-se, em ziguezague, a vertente norte do Majol de Cabana Sorda e, em pouco mais de 40 minutos, chega-se ao cimo. Outra opção é continuar a margear em direção ao NO até encontrar o cimo seguinte, o qual apresenta um pouco mais de altura e tem um bom terraço e um desfiladeiro que conduz diretamente para o refúgio.

Descida 1ª jornada: A descida ao refúgio desde o cimo ou pelos amplos desfiladeiros de Cabana Sorda, na sua vertente norte, não apresenta nenhuma grande dificuldade, tendo uma inclinação média de 35°-40° que conduz diretamente ao lago.

Descida 2ª jornada: Tanto a descida do Majol de Cabana Sorda com o do pico ao lado são muito similares, grandes desfiladeiros piramidais com declive regular e constante que não ultrapassa os 40° e possibilitam fazer giros amplos com certa velocidade se a neve assim o permite. A descida para regressar ao ponto de início realiza-se em direção ao sul, sempre a procurar espaços abertos entre o bosque até sair pelo mesmo desfiladeiro de subida e, seguidamente, chegar à estrada.

Zona de estacionamento: (42°35'44.19"N e 1°40'27.00"E).

Desnível de descida: 30-40°

Encontre mais percursos de freeride e desfrute mais tempo do seu desporto favorito.

Transfirat Safe365, a aplicação de segurança que permite que, em caso de emergência, o utilizador envie a sua localização exata às equipas de resgate.